Páginas

terça-feira, 19 de maio de 2009

Os melhores em campo

Paulo Autuori deverá implementar no Grêmio a médio e longo prazo um esquema de jogo que dê privilégio ao toque de bola, ou seja, a criação de jogadas - disse ele em sua primeira entrevista coletiva como treinador gremista. Portanto, o melhor a se fazer é colocar para jogar aqueles jogadores que têm mais técnica. Entretanto, para não perder em poder de marcação, a escolha mais correta a ser tomada é a de utilizar mais homens no meio de campo. 

Um esquema com um só atacante se mostra mais do que necessário no contexto atual. Sobretudo quando se olha para o plantel e vê que entre os quatro atacantes contratados para satisfazer a necessidade de gols só um tem mostrado qualidade: o argentino Máxi López. Alex Mineiro ainda pode surpreender-nos (é o que se espera dele), a ponto de até formar uma dupla de ataque com o argentino em determinado momento - talvez em jogos dentro de casa.

A meu ver, o melhor esquema de jogo para o Grêmio é o 4-2-3-1 (o mesmo utilizado pelo Mano Menezes em sua passagem pelo Tricolor e que utiliza no Corinthians atualmente). Infelizmente, é tarde demais para radicalizar tanto no esquema de jogo, visto que a Libertadores da América já está em andamento. Por isso, a mudança ocorrerá gradativamente.

Aqui vai um exemplo de 4-2-3-1 que poderá ser utilizado pelo Grêmio mais adiante com o Paulo Autuori. 



Douglas Costa e Souza poderão inverter de lado muitas vezes durante os jogos (a exemplo do que faz o Manchester United com Cristiano Ronaldo e Nani). Quando estes dois se lanças pelas pontas o esquema lembra e muito o glorioso 4-3-3 no qual o Tricolor se segrou campeão da Libertadores e do Mundial de 1983. 

Ruy está ali porque não há outra opção mesmo - a não ser improvisar o Léo ou até mesmo escalar o garoto Saimon na posição. Portanto, a contratação de um lateral-direito com poder de marcação se faz tão necessária quanto a mudança do esquema de jogo.

QUAL É O ESQUEMA DE JOGO IDEAL PARA O GRÊMIO? DÊ UM PITACO SOBRE ESSE ASSUNTO.


Um comentário:

francisco disse...

Gostei do esquema mas não acredito no Máxi. Este esquema é mais para quem tem calma. Máxi já demonstrou ser precipitado e afoito assim como Herreira. Alex ou Perea levam mais jeito. Espero ver Ricardo e Roberson entrarem para que possamos ter uma avaliação dos R. Adilson e Douglas pela esquerda dá caldo. Adilson tem feito ótimas jogadas por ali sem ter com quem jogar (triangular). Outro que não pode ser esquecido e que retorna em agosto é o Mithyuê. Willian também retorna e na segunda fase são opções importantes. Tenho Mithyuê como o substituto de Souza na meia direita de ataque. Outro que ainda não estourou é o Isael que bate faltas muito bem pela esquerda.